Publicidade

Magazine Luiza

terça-feira, 3 de maio de 2011

Igreja Social



Quando pensamos em Igreja, logo vem em mente a palavra unidade.
Pensamos num ajuntamento de pessoas num determinado lugar e em busca do mesmo objetivo. Que na verdade se resume em fazer a vontade de Deus.

Muitas são as perguntas que surgem no meio do caminho...
Qual é a vontade de Deus?
Estou fazendo a vontade de Deus?
Como sei que estou fazendo a vontade de Deus?

Eu não posso responder essa pergunta por você, mas posso te dizer que somente o Espírito Santo pode trazer ao seu coração a resposta certa. Afinal, Deus tem um projeto de vida pra cada um de nós, isso posso afirmar.

Mas voltando a falar em unidade, também pensamos em ação social. E porque a Igreja precisa se envolver com ação social? Acredito que não era necessário fazer essa pergunta, mesmo porque a essência do cotidiano missionário das igrejas locais é puramente social, mas de tempos em tempos é necessário lembrar ao desavisados de plantão. Penso que dificilmente encontraremos um pastor ou algum crente fiel que considere a ação social como algo irrelevante na missão da Igreja.

"Porque o necessitado não será esquecido para sempre, nem a expectação dos pobres perecerá perpetuamente." (Salmos 9:18)

A igreja não está aqui na Terra somente para anunciar o Reino. Mas está aqui pra ser também um agente transformador da sociedade.

"Um novo mandamento vos dou: Que vos ameis uns aos outros; como eu vos amei a vós, que também vós uns aos outros vos ameis. Nisto todos conhecerão que sois meus discípulos, se vos amardes uns aos outros." (João 13:34,35)

Pensando nas palavras Jesus, entendemos que a Igreja tem uma responsabilidade social. Ou seja, ela precisa trabalhar com mais afinco a estrutura e o desenvolvimento da família. Deve atuar também na educação para formação de jovens e adolecentes. Isso é amar. Quando acolhemos o necessitado e procuramos ajudá-lo de alguma forma.

Não queremos ter uma nação mais cidadã e compromissada com Deus?
Devemos então fazer por onde.

"Tenho-vos mostrado em tudo que, trabalhando assim, é necessário auxiliar os enfermos, e recordar as palavras do Senhor Jesus, que disse: Mais bem-aventurada coisa é dar do que receber." (Atos 20:35)

Pense nisso.


Em Cristo,

Wanderson Sabino

Teologia Sem Mensalidade

Publicidade

Poderá gostar também de: