Publicidade

Magazine Luiza

quinta-feira, 17 de julho de 2008

Hoje é hoje.




Hoje é hoje.
É o que muito dizem ao se levantar pela manhã.
Já acordam como se estivesem de mal com Deus e o mundo. Isso muitas vezes sem nenhum motivo, pelo menos aparente. Independente de classe social, religião, se tem ou não tem dinheiro no bolso, isso não faz a menor diferença. Acordamos de mau-humor e pronto. Não queremos conversar com seu ninguém e se vem puxar papo damos àquela resposta que é pra não render assunto. Ufa !!! Até eu senti, agora que estou me lembrando das vezes que acordei desta maneira.
Mas nada como acordar e ver que tudo é belo... Olhar pela janela e ver aquele dia ma-ra-vi-lho-so, mesmo que esteja nublado. Dar e receber aquele Booooommmm diiiiiiaaaaa!!!! Isso me faz lembrar das palavras do sábio Salomão: "O coração alegre aformoseia o rosto, mas pela dor do coração o espírito se abate." (Pv 15:13)

E saber que ninguém tem culpa do nosso mau-humor... me parte o coração só de lembrar.Mas apesar de tudo, é importante saber que temos um pouquinho dos dois. Quando estamos de bem com a vida todos querem se assentar ao nosso lado e se possível for querem até nos carregar nas costas, mas, se estamos de mau-humor, sai de baixo. Ninguém quer ficar do nosso lado e parece até que estamos com cheiro ruim.

O importante disso tudo é que devemos amar uns aos outros sempre. Independente do bom ou mau-humor do próximo. Porque Em quaisquer das circunstâncias, devemos saber que Deus continua a nos amar intensamente, sem sombra de variação. Ele não muda! "Se formos infiéis, ele permanece fiel; não pode negar-se a si mesmo." (2Tm 2:13). Deus não nos ama pelo que nós fizemos a Ele, mas pelo que Cristo, o Seu Filho, fez por nós ("Nós o amamos porque ele nos amou primeiro." (1Jo 4:19).


quarta-feira, 16 de julho de 2008

O perdão de Deus


Muitos não acreditam na diferença que faz ao perdoar e ser perdoado.
A maioria das pessoas entendem que se estão com a "razão", se não tem culpa alguma, então, não é necessário se humilhar diante do outro e pedir perdão pela situação que lhes acorreram.
Mas Jesus nos deixou ensinamentos valiosos. E um deles é que devemos amar ao nosso próximo como amamos a nós mesmos.
Difícil tarefa nos dias atuais.
Mas tenha certeza que Deus nos dará forças e domínio próprio para conseguirmos perdoar e pedir perdão. (Mc 12.28-34)

Teologia Sem Mensalidade

Publicidade

Poderá gostar também de: