Publicidade

Magazine Luiza

sexta-feira, 12 de novembro de 2010

Ele nos amou primeiro



“Porque todos pecaram e
carecem da glória de Deus.” (Romanos 3:23)

Fomos criados a imagem e semelhança de Deus, para com Ele viver em comunhão.
Mas o pecado afastou o homem de Deus, quando por um ato de desobediência, Adão rompeu seu relacionamento com Ele. Como todos nós somos descendência de Adão, nascemos também em pecado. Herdamos a natureza pecaminosa de Adão e por isso é necessário que o sangue de Jesus, o Cordeiro de Deus venha nos purificar.

É preciso reconhecer que somos pecadores, que precisamos do perdão de Deus para então, alcançarmos misericórdia e finalmente sermos perdoados pelo Senhor.
Muitas vezes o nosso ego quer falar mais alto e não nos deixa aproximarmos de Deus. Para que alguém consiga entrar na presença dEle é preciso estar com um coração quebrantado, totalmente humilde e arrependido.

“Mas as vossas iniqüidades fazem divisão entre vós e o vosso Deus; e os vossos pecados encobrem o seu rosto de vós, para que vos não ouça.”(Isaías 59:2)

A iniqüidade é fruto de uma vida distante de Deus. Uma vida de rebeldia, desobediência e atitudes de independência.
Todas as pessoas que não querem ter um compromisso sério com Deus, procuram desculpas para justificar as atitudes rebeldes. Pensam estar fazendo bem em andar fora dos mandamentos do Senhor. Que basta apenas serem bonzinhos, fazerem caridades ou cumprir uma rotina de ir à igreja (religiosos).

É necessário muito mais que isso, é preciso cumprir todos os mandamentos do Senhor. Quem obedece apenas uma parte é como se não obedecesse nada. O nosso Deus não é um Deus de metades, Ele é um Deus completo e, Sua palavra é clara quando diz: Sim, sim, não, não. Ou você é ou não é. Não existe meio termo.

É comum ver pessoas dentro das igrejas muitas vezes fazendo a obra de Deus, mas sem compromisso sério. Fazem talvez por auto promoção, um costume ou por que querem manter as aparências na sociedade. São pessoas que de repente gostam de estar perto dos irmãos ou até mesmo gostam do que fazem e não querem largar aquele cargo, mas por outro lado não abrem mão daquela vida que leva fora da igreja. Uma vida de baladas, prostituição ou quem sabe de fofocas ou intrigas. São pessoas que querem viver uma vida dupla e não querem largar o mundo, mas também não querem deixar as coisas de Deus.

A Bíblia nos diz que não é possível amar dois senhores. Um dos dois será mais amado que o outro e tenha certeza que Deus não divide sua Glória.
Quando Deus resolveu nos libertar Ele enviou Jesus. Este era Seu único Filho, e Ele não pensou duas vezes, por amor de nós Ele decidiu logo e nos entregou tudo que possuía. É necessário entregarmos tudo que temos por amor ao nosso Deus.
Afinal, Ele nos amou primeiro.



Wanderson Sabino

quinta-feira, 8 de julho de 2010

A sós com Deus

Deus é Espírito, e importa que os que o adoram o adorem em espírito e em verdade.(João 4:24)

Adorar a Deus, parece uma coisa tão simples quando falamos ou pensamos.
E por ser uma coisa "tão simples" banalizamos.

O que é adorar a Deus?
A resposta dessa pergunta muitas vezes tem sido respondida sem temor.
Não é simplesmente adorar a Deus como se fala "da boca pra fora".
Esse adorar é uma coisa mais profunda, sai lá do interior. Envolve renúncia, intercessão, leitura e meditação da palavra além de compartilhamento dessa palavra com o próximo afim de conduzi-lo ao Senhor.
Entende?

Mas o que se vê por aí é uma oferta de evangelho fácil e sem compromentimento.
O próprio Jesus nos disse que teríamos aflições, que deveriamos negar a nós mesmos e cada um tomar a sua cruz e segui-Lo.

Não digo que a vida com Jesus será sofrimentos, pelo contrário, Ele nos traz paz, alegria e esperança. Mesmo quando pensamos que não existe solução para o problema, Ele vem e nos surpreende.
Por isso é muito importante ter esse momento de busca intensa só você e Deus.
Alí Deus vai revelar os segredos dEle pra você e você terá liberdade
pra falar com Ele.

O interessante que tudo depende do primeiro passo, a sua decisão.
No começo é difícil ter essa disciplina de leitura, meditação, etc.
Mas Deus manifesta de forma tão poderosa nesse "à sós" com Ele,
que queremos cada vez mais essa momento.

É automático, quanto mais buscamos ao Senhor, mais queremos estar ao lado dEle e não é possível guardar só pra nós mesmos. Sentimos um desejo enorme de compartilhar a salvação alcançada por meio de Cristo, as experiências que temos e o amor que transborda em nosso interior por causa de Cristo.

É realmente SOBRENATURAL.



Abraços,

Wanderson Sabino

quarta-feira, 3 de março de 2010


Descanso no Colo

Pessoal, recebi este texto e achei maravilhoso!
Realmente precisamos de colo, por mais duro que aparentamos
ser somos carentes de um colinho.

Espero que lhe edifique.

"Ele te cobre com as suas penas, e debaixo das suas asas
encontras refúgio" (Salmos 91:4).

Um adolescente engenhoso, cansado de ler para sua pequena irmã dormir, decidiu gravar várias de suas histórias favoritas em fita. Então ele lhe disse:
"Agora você pode ouvir suas histórias preferidas a qualquer hora que desejar.
Isso não é maravilhoso? " Ela olhou para o gravador por alguns instantes e respondeu: "Não, não tem um colo".
Todos nós precisamos de um colo. Todos nós precisamos de um aconchego.
Todos nós desejamos saber que somos amados.

Como temos nos sentido neste mundo em que vivemos?
Muitas vezes a nossa resposta é: sós - mesmo rodeados de pessoas.
Precisamos de carinho, de um ombro para chorar nos momentos de aflição, de um rosto sorridente ao nosso lado, quando queremos compartilhar as grandes conquistas, de uma mão para segurar quando o caminho a seguir parece íngreme e perigoso.

Todos nós necessitamos de uma pessoa em quem possamos confiar.
Alguém que jamais nos deixará abandonados.
Um amigo que estará ao nosso lado em qualquer situação.
Que sempre terá uma palavra de consolo e estímulo.
Um amigo verdadeiro que, nas horas mais difíceis, nos tomará no colo e nos dirá:
"Eu sempre estarei aqui... nunca lhe virarei as costas".

A menina de nossa ilustração buscava, todas as noites, não apenas uma história que a fizesse dormir, mas um colo onde se sentiria abrigada, um carinho para deixá-la tranquila, um beijo de boa noite.
A história era apenas uma desculpa de seu verdadeiro motivo.

E não acontece o mesmo conosco? Queremos uma mão para segurar, um ombro para recostar a cabeça, um colo para nos aconchegar... queremos, na realidade, estar junto a Jesus, nosso Amigo, nosso Companheiro de todas as horas, nosso Salvador, a Fonte de nossas bênçãos.

Quando nos acolhemos nos braços de nosso Senhor, a noite é serena, o sono é agradável, o descanso é real.
Acordamos envoltos em paz, com as forças renovadas, com a fé fortalecida.

É muito bom saber tudo a respeito de Cristo, mas,
o melhor é poder repousar em Seu colo.



Extraído de Paulo Barbosa
Ministério Para Refletir


Abraços,

Wanderson Sabino.

Teologia Sem Mensalidade

Publicidade

Poderá gostar também de: